Saúde
30 Junho de 2021 | 07h06

ÚLTIMAS 24 HORAS

País regista três mortes e 260 recuperados da COVID-19

O país notificou a recuperação de mais 260 pessoas, com idades entre 10 meses e 68 anos. Destes número, 170 estão em Luanda, 64 no Huambo, 15 na Huíla, sete no Cuanza Sul, dois em Benguela, um no Bengo e igual número na província do Bié.

O boletim epidemiológico da Direcção Nacional de Saúde Pública (DNSP) divulgado nesta terça-feira, 29 de Junho, informou a ocorrência de mais três mortes de cidadãos nacionais, um em Luanda e dois na Huíla, todos do sexo masculino, com idades entre 46 e 73 anos. 

No mesmo período, 69 novos casos foram diagnosticados, dos quais 32 em Luanda, 10 no Huambo, sete em Malanje, seis na Huíla, três no Namibe, igual número no Uíge, dois em Cabinda, igual número no Bié, Cuanza Sul e Cuando Cubango, e um caso na província do Zaire.

Os cidadãos infectados estão na faixa etária dos três meses a 79 anos, sendo 37 do sexo masculino e 32 do feminino. 

Os laboratórios de testagem da COVID-19 processaram 2.811 amostras por RT-PCR e o cumulativo subiu para 644.704 amostras processadas, correspondente a uma taxa de positividade de seis por cento. 

Nos pontos de entrada e saída da província de Luanda foram testados 234 cidadãos. 

O quadro epidemiológico da pandemia em Angola apresenta 38.682 casos positivos, dos quais 33.079 recuperados, 894 mortes e 3.709 cidadãos com a doença activa, entre eles 12 em estado crítico, 19 graves, 57 moderados, 17 com sintomas leves e 4.604 assintomáticos. 

Os centros de quarentena institucional acompanham 74 pessoas e 105 estão internadas nos centros de tratamento da COVID-19. As autoridades sanitárias têm ainda sob vigilância epidemiológica 2.237 contactos de casos positivos.