28 Outubro de 2020 | 13h10

TAXA DE POSITIVIDADE É DE 6.6 POR CENTO

País regista um óbito e 227 novas infecções

As autoridades sanitárias notificaram um óbito por COVID-19, 227 novos infectados e 117 pacientes recuperados nesta terça-feira, 27, em todo o país.

De acordo o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, aquando da actualizaçao do quadro epidemiológico nacional, o óbito é de uma angolana de 68 anos, com residência em Benguela.

Entre os casos positivos, 37 foram registados na província do Namibe, 18 em Malanje, 14 em Benguela, três na Huíla e155 em Luanda, nas localidades de Belas, Ingombota, Cacuaco, Cazenga, Maianga, Talatona, Rangel, Kilamba Kiaxi, Sambizanga, Samba e Viana.

Quanto ao género, 141 são do sexo masculino e 86 do sexo feminino, com idades entre um e 81 anos.

No grupo dos recuperados, 115 foram notificados em Luanda e dois em Benguela.

Com estes dados, o país contabiliza 9.871 casos confirmados, entre os quais 271 óbitos, 3.647 recuperados e 5.953 activos. Entre os activos, 14 estão críticos com ventilação mecânica invasiva, 31 graves, 135 moderados, 417 leves e 5.356 assintomáticos.

Os laboratórios de biologia molecular processaram 1.604 amostras nas últimas 24 horas, sendo 227 positivas. Angola tem agora 148.883 amostras processadas, das quais 9.871 positivas, com uma taxa de positividade de 6.6 por cento.

O Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) atendeu 176 chamadas relacionadas a pedidos de informação sobre a COVID-19.

Os centros de quarentena institucional acolhem 597 pessoas e nas últimas 24 horas deram alta a 28, sendo 22 na província do Bié e seis em Benguela.

As autoridades sanitárias também controlam 4.071 contactos directos e ocasionais dos casos positivos.

A equipa de saúde mental e de intervenção psico-social assistiu 285 pessoas, das quais 196 utentes e 89 profissionais de saúde. Também foram assistidas 69 famílias de utentes e 39 pessoas através das linhas telefónicas 144 e 145.