Saúde
25 Setembro de 2021 | 10h09

COVID-19

Angola regista 440 casos positivos e recupera 496

Nas últimas 24 horas, 440 casos novos de COVID-19 foram diagnosticados no país, dos quais 332 em Luanda, 48 no Huambo, 27 na Huíla, 14 em Benguela, nove em Cabinda, quatro em Malanje, dois no Bié, dois no Cuando Cubango, um no Cuanza Sul, e outro no Moxico. 

As idades dos cidadãos infectados variam entre um e 94 anos, sendo 326 do sexo masculino e 114 do sexo feminino. 

Segundo o boletim epidemiológico da Direcção Nacional de Saúde Pública divulgado esta sexta-feira, 24 de Setembro, foram ainda reportados 11 óbitos, sendo três do sexo masculino e oito do feminino, com idades entre 35 e 80 anos. As ocorrências registaram-se em Benguela com quatro óbitos, dois no Cuando Cubango, dois em Luanda, um no Bié, um em Malanje e um na Huíla. 

No mesmo período, recuperaram da doença 496 pessoas entre oito meses e 83 anos, sendo 386 em Luanda, 32 no Uíge, 19 no Cuando Cubango, 16 no Bié, 15 no Huambo, 10 na Huíla, oito no Namibe, sete em Benguela e três no Moxico.

Os laboratórios de testagem da COVID-19 processaram 4.116 amostras por RT-PCR, tendo agora um cumulativo de 980.020 amostras processadas, correspondente a uma taxa de positividade de 5.5 por cento. 

De acordo com o quadro epidemiológico da pandemia, Angola registou até ao momento 54.280 casos positivos, sendo 47.175 recuperados, 1.471 óbitos e 5.634 activos, entre os quais 36 em estado crítico, 51 graves,  179 moderados, 90 leves e 5.278 assintomáticos.

Nos centros de tratamento da COVID-19 encontram-se internados 256 pacientes. 

Em quarentena institucional estão 193 infectados e sob vigilância epidemiológica 3.132 contactos directos e ocasionais de casos positivos.