Portal Oficial do Governo da República de Angola
Governo

Empresários angolanos convidados a investir no Burundi

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Burundi, Ezechiel Nibigira, formulou esta segunda-feira, 22, em Luanda, um convite especial aos empresários angolanos para investirem no seu país, que vive um clima total de paz e beneficia de circula... Ver mais


Em declarações à imprensa, no final da audiência que lhe foi concedida pelo Presidente da República, João Lourenço, no Palácio Presidencial da Cidade Alta, Ezechiel Nibigira reforçou que o Burundi já desfruta de um clima de paz total, com a situação social e de segurança bem controlada ao nível de todo o território.



“O meu país está de braços abertos para visitas”, afirmou o diplomata, que foi portador de uma mensagem do Presidente da República do Burundi, Pierre Kurunzinza, ao homólogo angolano, João Lourenço.



Ezechiel Nibigira disse que durante o encontro foram abordados aspectos relacionados com a cooperação bilateral, que já dura há décadas, incluindo a necessidade urgente de fortalecer os laços de amizade que unem os dois países.



“Convidamos de forma especial os empresários angolanos a investirem no Burundi”, referiu o ministro burundês, acrescentando ser por isso que as autoridades do seu país consideram Angola como país irmão. 



Referiu que a sua vinda a Luanda, na qualidade de enviado especial de Pierre Kurunzinza, visou o reforço das relações de cooperação e amizade existentes entre os dois países.



Como forma de fortalecer ainda mais a cooperação, o ministro burundês dos Negócios Estrangeiros disse ser “fundamental” olhar para sectores concretos como das Finanças, num momento em que o Burundi aprova orçamentos com 85 por cento de receitas provenientes de recursos internos. 



“Somos capazes de financiar o nosso Orçamento Geral do Estado em 85 por cento. Precisamos criar um forte alicerce para a nossa cooperação. Convidamos a comunidade internacional e cidadãos do mundo a investirem no nosso país, numa altura em que temos um novo Plano de Desenvolvimento Económico, que versa sobre diversas áreas”, sublinhou.



O Burundi convida investidores de vários países para trabalharem com empresários locais e de forma singular, com o objectivo de aproveitar as oportunidades e vantagens do referido Plano de Desenvolvimento”, disse.



Jornal de Angola