Portal Oficial do Governo da República de Angola
soc

Américo Gonçalves distinguido a título póstumo

O Ministério da Cultura galardoou, com Diploma de Mérito, a título póstumo, o jornalista Américo Gonçalves pelos artigos sobre arte assinados no Caderno “Vida & Cultura”, do Jornal de Angola.


O referido galardão  foi atribuído, também, a António Fonseca pelo programa “Antologia”, da Rádio Nacional de Angola, e aos agrupamentos Impactus 4, Super Coba, Moyowenos e Sassa Cokwe Internacional.  Os Diplomas de Honra foram atribuídos  aos Centros Dr. António Agostinho Neto, Gajajeira, Kudissanga Kwa Makamba, Mãe Preta, Marítimo da Ilha e Organizações Kizomba, além de Diplomas de Reconhecimento a 22 antigos funcionários do sector e antigos delegados provinciais, numa lista que inclui Dario de Melo e José Garcia, antigo director do Museu Regional do Dundo.



Um momento cultural com trova, representação e declamação, exaltou a criação ficcional nacional, desde os primórdios e persuasores da arte nacional. Do poema “Kitandeira”, na voz da declamadora Ilda Lemos, a dança do Ballet Nacional de Angola, a representação teatral do Horizonte Njinga Mbande, voz e violão de Mito Gaspar, Toty Sa´Med, Konstantino e Edmázia, ajudaram a compreender as várias fases da História de Angola, na escrita de Agostinho Neto, composição de David Zé e André Mingas, até à realidade com a peça “Casados sem casa”.



Jornal de Angola